26 de jul de 2009

AC/DC

Cá estava eu, pensando com meus botões, sobre qual banda eu escreveria, até que recebo a informação do show do AC/DC confirmado. Então preciso nem dizer qual a banda que escolhi, né?
A banda foi formada em 1973, em Sydney. Em 75 lançaram o primeiro álbum High Voltage, e tiveram sua primeira troca significativa de membros. Malcolm e Angus Young perceberam que Dave Evans não tinha o estilo de vocal que queriam, o substituíram por Bom Scott.
Em 76 saí o segundo álbum, TNT. O álbum foi lançado com o selo da Atlantic Records, lhes dando a oportunidade de começar uma tour pela Europa.
Em 77, novo álbum e novo baixista. Let There be Rock lança, e Mark Evans saí, deixando seu posto para Cliff Willians.
Powerage, lançado em 78, foi o último álbum antes da fama chegar com tudo para o AC/DC. O sexto álbum e primeiro grande sucesso, Highway To Hell, estreou em 79. Também foi o ultimo álbum com Scott nos vocais.
Bom Scott morre em 1980, no auge de seu sucesso, e se torna um ícone (reparou que tudo q você precisa pra ser imortalizado, é fazer sucesso relâmpago e morrer antes de voltar a ser um desconhecido, né?).
Com a trágica morte de Scott (não consigo achar outra definição pra uma morte descrita como ‘se afogou por respirar o próprio vomito, após beber demais), a banda cogitou a possibilidade de terminar, mas acabaram por selecionar Brian Johnson como seu novo vocalista, o que eu diria que foi uma ótima escolha. O sétimo álbum da banda, Back In Black, é uma referencia até hoje.
No ano seguinte, For Those About To Rock We Salut You lançou e teve boa aceitação de público e crítica.
Em 83, o baterista Phill Rudd é demitido e substituído por Simon Wright. No mesmo ano, mais um álbum (eu to começando a cansar aqui com tantos álbuns) Flick Of The Switch, considerado uma grande decepção pelos fãs.
3 anos após isso, lança Who Made Who, com sucessos antigo e algumas músicas inéditas.
Blow Up Your Video, lançado em 88 compensa os 2 álbuns anteriores e faz quase tanto sucesso quanto Back in Black. Após a turna de divulgação do Blow Up, Writgh sai da banda, e Chris Slade entra em deu lugar.
Em 90 The Razors Edge é gravado e mantém o sucesso.
Em 1995 Phil Rudd volta para a banda e eis que a formação de 1980 está de volta (eles podiam ter facilitado minha vida e ter mantido a banda nessa formação, já que iam voltar mesmo!) e lançam Ballbreaker.
Em 97 sai uma Box chamada Bonfere, com 4 álbuns antigos.
Em 2004, o milésimo... Ta, décimo quarto álbum Stiff Upper Lip.
Finalmente, o álbum que os traz para o Brasil esse ano, Black Ice.
Ainda não tenho maiores informações sobre o show. A informação só foi confirmada dia 15 agora, então, to que nem plantão da globo, qualquer novidade, posto aqui, a qualquer momento.

Como sempre, fiquem com vídeos aí.






Ahhh, claro. AC/DC significa alternating current/direct current. Os Young viram atrás de uma máquina de costura e gostaram.

Nenhum comentário:

Postar um comentário